Dos dias de chuva. Das irritâncias…

Eu adoro dias de chuva! Quando estou em casa, claro! São os dias que me deixam mas descansada, já que em dias de chuva, não há ninguém fazendo algazarra na porta da minha casa, os filhos do vizinho não ficam correndo e gritando pelo corredor, os cães da vizinha não são colocados na garagem para tomar sol e assim não me acordam logo cedo com os latidos incessantes, não há também aquelas pessoas sem noção que param o carro na esquina com o som que estremece  até os vidros da janela da minha casa,  não existe ninguém  soltado pipa e com isso ninguém toca minha campainha pedindo para pegal alguma que tenha caído no meu quintal.
Eu amo quando chove. Eu sou uma pessoa que gosta de tranquilidade e quando não quero essa tranquilidade eu escolho não querer, ninguém tem fazer isso por mim.
Estou sendo intrasigente? Talvez… Sou chata? Muito! Sou o tipo de mãe que nunca deixou os filhos bricarem na rua, imagina se deixaria brincando gritanto até meia-noite nas férias de verão. Nunca! Mas aqui é assim, crianças gritam o tempo todo, até na madrugada… Isso me irrita!
Claro que se eu estivesse numa práia, nada disso irritaria, afinal, ali é o lugar de tudo isso, onde crianças pode correr e gritar a vontade, onde o céu fica lindo com as pipas… O sol nessas horas é muito bem vindo rss…
Se fossem só as crianças… O problema é que são tudo isso aí, juntos, ao mesmo tempo.
Pronto falei!
Quem sair por último apague a luz.
Flavi