Ser mãe é maravilhoso eu sei… E o sexo

Ser mãe é maravilhoso eu sei

Faz tempo que quero falar sobre sexo, casamento “pós bebê” e chegou a hora, na verdade já passou da hora rss…
Tudo começou com meus próprios questionamentos… Depois que Arthur nasceu, perdi totalmente o interesse e só descobri isso quando fui namorar o marido nos 40 dias pós parto não estava interessada, talvez pelo cansaço, por causa dos hormônios… Eu que sempre fui tão caliente… O fato é que quando começamos  “meio que engrenar” vieram os problemas de saúde meu e do bebê. Agora quase 120 dias depois do parto é que me sinto totalmente de volta a ativa. O desejo voltou com força total, a paixão se intensificou e está tudo muito mais gostoso, na verdade até parece que estamos em inicio de namoro.
Inicialmente eu procurava motivos para a falta de desejo que só era da minha parte por que meu querido husband estava super presente e eu me sentia culpada por não conseguir corresponder e conversava e pedia paciência ele como sempre com muito carinho entendia e me confortava e sempre procurava me deixar super a vontade. Havia relação, mas para mim não era mais a mesma coisa. Então batia um sentimento de culpa e medo. Cheguei até pensar que não gostava mais do meu amor e fiquei angustiada, não queria que isso se prolongasse mais e pensei até em procurar um especialista… Mas o tempo se encarregou de colocar tudo nos devidos lugares, a insegurança, o medo foram embora abrindo espaço para o desejo. E como foi bom! Aliás está sendo muito bom.
Ser mãe é maravilhoso eu sei e o sexo, como vai?

Ser mãe é maravilhoso eu sei e o sexo, como vai?

Depois de passar por tudo isso, uma questão ficou martelando em minha cabeça… Se eu tivesse dado mais impotância para tudo aquilo e se tivesse mesmo acreditado que a falta de desejo era falta de amor, eu poderia ter cometido um grande erro e poderia ter magoado muito meu marido. Ele sempre tão atencioso e carinhoso e eu ali toda atrapalhada, confusa com meus pensamentos. Nunca havia sido assim e nenhuma das vezes que tive filho isso aconteceu… Seria a idade? Aff! É só o que falta rss… Tá, não tenho cinquenta anos, mesmo que tivesse ainda não estaria me achando velha, pode até ser que aos olhos do outros sim, mas aos meus ainda seria uma menininha descobrindo coisas novas (oi?)
Agora estou andando nas nuvens, tudo está colorido e muito beautiful hahaha.
Eu sei que essa ausência de desejo sexual não é exclusividade minha, claro que outras mulheres, mães ou não já passaram por isso e se passaram com foi?
Alguém quer falar um pouquinho de sua experiência?

(Escrevi ontem, mas só hoje decidi postar…)

Beijos
😀