Glossário informal da gravidez – Parto e pós parto

Glossário informal da gravidez – Parto e pós parto
Nessa foto eu estava de 37 semanas… Esperando o Arthur. Saudades…

 

Algumas siglas eu já conhecia outras nem imaginava do que se tratava na época em que engravidei.
Vamos lá!
Conhece o senhor Braxton-Hicks? Já jantou com o Kristeller? Pegou um cineminha com o Credé? Menina, não deixe de conhecer o Apgar. Talvez seja o caso de dar uma chance ao Capurro.
O quê? Não conhece os digníssimos senhores acima? Então é a hora de você começar a instalar um software no seu HD. O novíssimo glossário informal da gravidez, parto e pós-parto. Se o seu Beta deu positivo, não perca tempo, instale hoje mesmo, é grátis e indolor.
[Peço a colaboração de vocês, leitoras, para ampliarmos este glossário, pois certamente esqueci de muitos termos.]
Glossário informal da gravidez , parto e pós-parto:
BetaHCG exame de sangue para detectar a gravidez
DUM data da última menstruação, serve para calcular a DPP
DPP data provável do parto (pode ser também depressão pós-parto, mas é menos usado neste sentido)
baby blues uma tristeza que acomete as mães no pós-parto, mais leve que a DPP e absolutamente normal
GO – ginecologista e obstetra
EO – enfermeira obstétrica, também conhecida como parteira
TP – trabalho de parto
PRÓDOMOS –  cólicas e contrações leves que antecedem o TP
BRAXTON-RICKS – contrações indolores que surgem a partir da 20a. semana de gravidez e enrijecem a barriga
COLOSTRO – primeiro leite, amarelado, cheio de anticorpos
APOJADURA – descida do leite (acontece geralmente no terceiro dia após o parto)
ARÉOLA – círculo escuro que fica em torno do mamilo, que o bebê deve abocanhar para mamar (atenção: a grafia correta é aréola, não auréola; auréola é aquele circulozinho que os anjos usam sobre a cabeça)
LM – leite materno ou licença-maternidade, ambos importantíssimos para o exercício da maternidade
VBAC – vaginal birth after cesarean (em português: parto vaginal após cesárea). Se o parto for realizado após duas ou mais cesáreas prévias, coloca-se o numeral antes do C. Exemplo: VBA2C, VBA3C.
PNAC – parto normal após cesárea (termo menos usado que o seu similiar VBAC)
US – ultrassom
SEXAGEM FETAL –  exame de sangue para detectar o sexo do embrião
TN – translucência nucal (exame feito em torno da 12a. semana de gravidez)
PD – parto domiciliar
PN – parto normal ou natural (o natural é o normal sem intervenções)
PNH – parto normal hospitalar
PRIMÍPARA –  a mulher em seu primeiro parto
MULTÍPARA –  mulher em partos subsequentes
LA – líquido amniótico
ILA – índice de líquido amniótico
RN – recém-nascido
TESTE DE CAPURRO –  exame que determina a idade gestacional do RN
ÍNDICE DE APGAR –  avaliação de cinco sinais objetivos do RN no primeiro, no quinto e no décimo minuto após o nascimento
HORA P –  a hora H do parto
PARTOLÂNDIA –  planeta em que as mulheres estão na hora P
OCITOCINA –  hormônio que é liberado diurante o trabalho de parto, facilitando a saída do bebê, e durante a amamentação, facilitando a saída do leite
PROLACTINA – hormônio que estimula a produção do leite
DOULA – mulher que dá suporte físico e emocional à grávida antes, durante e depois do parto
EPISIOTOMIA –  corte cirúrgico no períneo (uma das intervenções mais comuns em PN, mas que pode ser evitada se a mulher se informar e se preparar)
PERÍNIO – região que vai da vulva ao ânus
ASSOALHO PÉLVICO – períneo
AMNIOTOMIA –  ruptura artificial da bolsa
TRICOTOMIA –  raspagem dos pêlos pubianos
MANOBRA DE KRISTELLER – manobra feita durante o parto para empurrar o bebê em direção à vagina
“SORINHO” OU OCITOCINA SINTÉTICA – como o nome diz, é uma ocitocina artificial. Fuja desta intervenção, pois o nosso corpo produz ocitocina durante o TP. Se não produziu ainda, é porque você não entrou em TP
PLACENTA MADURA –  desculpa para cesárea
CORDÃO ENROLADO –  desculpa para cesárea
FALTA DE DILATAÇÃO –  desculpa para cesárea
BACIA ESTREITA –  desculpa para cesárea
DESNECESÁREA –  cesárea desncessária
BEBÊ PÉLVICO –  bebê sentado no útero
BEBÊ CEFÁLICO –  bebê de ponta-cabeça, a posição ideal para nascer
BEBÊ CÓRMICO –  bebê tansverso no útero
VERSÃO EXTERNA – manobra realizada para tentar virar o bebê pélvico ou transverso para a posição cefálica
NEONATOLOGISTA –  médico pediatra especializado em recém-nascidos
CREDÉ – colírio de nitrato de prata comumente aplicado nos bebês após o parto, embora seja usado como procedimento-padrão, deveria ser usado apenas nos bebês nascidos por via vaginal, pois previne infecção causada pela gonorréia
RHOGAM – vacina que deve ser tomada por mulheres de sangue RH negativo que têm filhos RH positivo, deve ser tomada até 72 horas após o parto
ICTERÍCIA – alteração na coloração da pele do RN causada por ecesso de bilirrubina
CONCHA – objeto circular para colocar no peito, ajudando a formar o mamilo para a amamentação
LDR – labor and delivery room, sala de parto
CASAS DE PARTO –  locais não hospitalares onde partos normais são assistidos por EO
BANCOS DE LEITE (HUMANO) locais que armazenam leite humano para doação; ajudam gratuitamente as mulheres com dificuldade na amamentação
MS – Ministério da Saúde
OMS – Organização Mundial da Saúde (toda grávida deveria ler atentamente as recomendações da organização para o parto)
MEB – medicina baseada em evidências
MAE – coloque um til e viva um amor incondicional, o maior sentimento e a melhor coisa que pode te acontecer na vida.