Dicas de como escolher uma escola para seu filho

Todos sabemos que o número de escolas tem aumentado muito, essa grande quantidade faz com que nós pais fiquemos perdidos na hora de escolher em que escola matricular os filhos ou como no meu caso “trocar”, passei pelo processo de escolha duas vezes até o momento.

A primeira foi a 2 anos atrás, não hesitei em conversar com algumas mães conhecidas e outras que conheci quando estava decidindo. Hoje mudamos os gêmeos novamente de escola, por motivos de opções no ensino, onde eles estavam só iria até a pré escola. Passei alguns meses pensando o dia que saíssem como se adaptariam com outros professores, cuidadores e amigos. Uma vez que o relacionamento deles com a direção, professores e companheiros me agradava muito.

Corri atrás e comecei do zero, indicação, consultei algumas mães e fizemos a troca, desde o meio do ano passado já vínhamos alertando eles sobre a troca de escola. Levamos para conhecer o ambiente, professores e companheiros.

Confira algumas dicas para você avaliar e decidir.

  • Fazer uma lista de escolas.
  • Dentro dessa lista descarte as escolas que não estão de acordo com seus valores (conservador ou liberal).
  • Visitar a escola e questionar sua proposta pedagógica.
  • Durante a visita à escola preste atenção no atendimento, no estacionamento, principalmente, na entrada e saída, pois esses, geralmente, causam problemas.
  • Observar se a escola é atual, ou se continua com os métodos antigos de ensino, se prepara o aluno somente para a vida ou se também o prepara para o mercado de trabalho.
  • Ter atenção se a escola incentiva a solidariedade, o respeito, a ética, entre outros conceitos que formam o ser humano de caráter honroso.
  • Verifique se a escola oferece um bom espaço físico, tendo uma estrutura segura que disponibiliza áreas de lazer para a criança ou adolescente.
  • Atente-se para a qualificação dos profissionais que ali trabalham.
  • Descubra como são tratados os atrasos dos alunos, como a escola se comporta diante de assuntos polêmicos.
  • Analise os recursos que a escola disponibiliza aos seus alunos.

Se o seu filho for adolescente, você deverá sentar e ouvir a opinião dele sobre as escolas candidatas. Ao entrar em um consenso com os filhos é hora de matricular.

Que Deus nos abençoe na nova escolha, foi pensando no bem estar deles, valor $, método de ensino mais avançado, que poderão sair preparados para o ensino superior. Mas confesso que tirei com dor no coração, pelo tratamento que eles recebiam na outra escola (coisas de mãe que sofre por antecedência)

Lembre se, a escola é um espaço destinado ao aprendizado da criança, mas que a educação começa em casa, ou seja, são os pais que iniciam e participam da educação ativa dos filhos.

Dicas de como escolher uma escola para seu filho

E você acrescentaria mais algum critério ou dica? Compartilhe conosco.

Não perca, na próxima terça-feira o post sera sobre o primeiro dia de aula, material escolar e transporte escolar.

Imagens Pinterest