É preciso lutar por um Brasil melhor! #protestomaterno

não, não foi por vinte centavos. Não foi pelo aumento da passagem. Não é mais.
É pela indignação de uma povo sofrido. É pela vontade de gritar e dizer o que está errado, de lutar pelo que é certo. É pelo direito à cidadania pura e legítima, que há muito não nos pertence. É pelo direito ao espaço público que há muito não é mais nosso. É pela liberdade legítima do protesto. É pela indignação, é pela militância. É pela verdadeira democracia e que não fique apenas em palavras, que aconteça, que renasça das cinzas e que possamos vê-la viva. É pelos meus filhos, é por você, e é por mim. É pela integridade do povo brasileiro, pelo respeito. É pelo fim do conformismo, pelo fim da inércia. É pela vida, é por um país vivo. É por uma política justa, mais humana, menos nojenta. É por um novo tempo.
E nada disso será conquistado ateando fogo em Brasília, sem pauta clara nem liderança do movimento. Vivemos numa democracia, elegemos os representantes que estão lá e no ano que vem haverá eleições (se não forem usurpadas por golpistas que já estão se apoderando desses manifestos). Se cair a democracia, cairá toda a esperança em qualquer mudança para melhor. Protestar é incrível, mas precisa ter pauta e responsáveis pelo protesto para se abrirem canais de negociação com o poder. Se isso não acontecer, vira trincheira, vira guerra e todos perdem.
E para aqueles que ainda acham que a gente não vive numa “ditadura” e existe outras formas de atuar politicamente, para esses eu faço coro com o Raul: ‘convence as paredes do quarto e dorme tranquilo / sabendo no fundo do peito que não era nada daquilo’.

as paredes, essas, acreditam no que você quiser – pelo menos elas.

É preciso lutar por um Brasil melhor! #protestomaterno

 

Este post foi dedicado a blogagem coletiva do protesto materno, para saber mais acesse o link AQUI #protestomaterno